preloader

AdOps: Recursos e suporte para desafios de publicidade online

AdOps: Recursos e suporte para desafios de publicidade online

AdOps
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter

Não é segredo que a publicidade é essencial para que os  publishers gerem receita. Campanhas publicitárias bem-sucedidas exigem planejamento cuidadoso e ações calculadas. Para isso, é essencial que quem queira prosperar no meio tenha ou contrate uma equipe de operações de anúncios. O termo Ad Operation (Operação de Anúncios) é normalmente reduzido para AdOps. Esse trabalho é absolutamente necessário para dar suporte à  venda e a entrega de publicidade online. Os recursos de AdOps permitem que os publishers gerenciem com mais controle suas campanhas publicitárias e consigam maximizar as receitas. Seja com banners, displays ou rich media, no desktop ou no mobile, são os processos e sistemas de AdOps que permitem aproveitar ao máximo cada uma dessas oportunidades de lucrar. 

Operações de publicidade online, operações de anúncios… O nome pode variar, mas todos eles referem-se a processos e sistemas que dão suporte à venda e entrega de publicidade online. O termo AdOps pode ser usado tanto para os processos de fluxo de trabalho e sistemas de software usados para vender, inserir, veicular, direcionar e relatar o desempenho de anúncios online quanto para a equipe ou departamento que cumpre essas funções. O serviço é oferecido por provedores de tecnologias de anúncios, como a Premium Programmatic, ou por agências de publicidade – ou mesmo por departamentos de TI internos de empresas maiores.  

Mas o que exatamente faz o AdOps?

AdOps

A tarefa principal do AdOps é apoiar as vendas e a implementação da publicidade online. É ele quem garante a funcionalidade técnica de publicidade, faz acompanhamento de campanha e a avaliação dos relatórios. Na prática, as equipes de operações de anúncios inserem, veiculam, direcionam, otimizam, gerenciam e relatam o desempenho e o tráfego de anúncios online. 

O AdOps nunca deixa o destino de uma campanha ao acaso. São os membros dessa equipe que monitoram de perto os anúncios para garantir que estejam fazendo seu trabalho: trazendo dinheiro para o site. Uma equipe de operações de anúncios competente monitora o tráfego de anúncios continuamente e utiliza os dados coletados para fazer os ajustes necessários. 

Em termos mais técnicos, as operações de anúncios implementam a compra de anúncios, a quantidade de publicidade que um cliente deseja executar por uma janela de tempo definitiva, que é ditada pelo pedido de inserção ou “IO”. O Ad Ops trabalha com departamentos de vendas, anunciantes, equipes de tecnologia e clientes para garantir a entrega tranquila da campanha, acompanhando o andamento, gerando relatórios de servidor de anúncios que comunicam o status de uma campanha e informando as próximas etapas. Coordenar publicidade, gerenciar rendimentos, fornecedores, operações técnicas… As funções são muitas, como você pode ver abaixo: 

Exemplos de serviços AdOps

  • Tráfego online – gerenciamento de publicidade, inspeção de criativos de campanha, monitoramento do lançamento de uma campanha, monitoramento e relatório final dos objetivos da campanha
  • Tráfego técnico – modificação técnica de criativos, modificação dos canais de anúncios, posicionamento de rich media, codificação html / dhtml / html5.
  • Suporte em situações críticas – suporte e consultoria em problemas relacionados a publicidade online, projetos de migração, novas estruturas de etiquetagem, etc.
  • Sessões de treinamento – treinamento do sistema, workshops, consultoria.

O que você consegue com o Adops?

  • mensurar latência e tempos de atividade no site
  • avaliar tamanho, formato ideal e funcionalidade do anúncio que funcionam melhor
  • reduzir da taxa de erro usando páginas de demonstração/ teste
  • evitar perdas de campanha
  • medir o tráfego de seu site de maneira mais profunda e detalhada
  • escolher as ferramentas certas para o seu negócio
  • gerenciar o projeto de maneira mais eficiente
  • identificar dificuldades de o criativo entregar a mensagem
  • verificar a qualidade e validar o anúncio antes de ir ao ar
  • avaliar resultados e fazer alterações
  • maximizar a eficiência das campanhas

Automação e o Adops

Quando os anúncios digitais apareceram pela primeira vez na internet, eles eram vendidos da mesma forma que os anúncios nos jornais. Assim como na mídia impressa, os anunciantes em potencial trabalharam diretamente com os vendedores em sites para negociar preços e comprar espaço publicitário. O site da Wired, HotWired, vendeu um dos primeiros anúncios digitais – um anúncio em “banner” clicável comprado pela AT&T por US $ 30.000 que funcionou no site por três meses.

Uma vez que a maioria dos operadores de sites não era tecnicamente experiente o suficiente para automatizar suas próprias vendas de espaço de anúncio, startups de tecnologia de terceiros surgiram como corretores para facilitar a compra programática. As primeiras negociações programáticas dependiam de “redes de anúncios” para agrupar espaços de anúncios de diferentes sites e vendê-los aos anunciantes. Os anunciantes podiam então selecionar os pacotes com o tipo de conteúdo que seus clientes ideais preferiam. Em seguida, vieram os lances em tempo real, leilões digitais em que os anunciantes fazem lances para cada anúncio mostrado a cada usuário. A empresa de pesquisa de mercado eMarketer relatou que, em 2019, 83,5% dos anúncios de exibição digital nos Estados Unidos foram adquiridos programaticamente e esse número continua a aumentar.

Hoje o trabalho do AdOps é totalmente automatizado e praticamente “livre de humanos” (principalmente graças à mídia programática), mas os especialistas em operações de anúncios ainda desempenham um papel importante na configuração e monitoramento desses processos automatizados. No entanto as tarefas do AdOps não diminuíram com a automação. Pelo contrário, se tornaram atividades que exigem conhecimentos específicos. Se antes os problemas com o trabalho do AdOps eram frequentemente causados por erros humanos, o problema de hoje está mais relacionado à funcionalidade dos sistemas como parte da automação. O trabalho se tornou mais técnico e as habilidades de resolução de problemas desempenham um papel importante. O AdOps deve manter seus conhecimentos atualizados e estar pronto para expandir continuamente suas habilidades, mesmo porque  velocidade com que esta indústria se move e se transforma é absurda.

Adops interno x terceirizado

Nos últimos anos, o serviço desempenhado pelas equipes de Ad Operations se tornaram peça-chave para otimizar a monetização de um site. O risco de não ter uma equipe de AdOps envolvida em suas operações são vários: ter que lidar com anúncios errados na página, layout ruim e sem criatividade, anúncios estagnados… Por isso não contar com uma equipe de AdOps não é uma opção para quem faz parte da indústria Online. Contudo, por conta da complexidade das atividades, a maioria dos publisher prefere terceirizar o serviço para um empresa ou agência especializada do que ter que correr atrás de profissionais qualificados para fazer o serviço internamente. Além disso, as operações de publicidade terceirizadas aumentam seus lucros ao disponibilizar a melhor demanda.

Por que os Publishers estão terceirizando AdOps para a Premium Programmatic?

AdOps

O AdOps interage com Ad Exchanges, Ad Networks, SSPs, DMPs e muitos outros componentes da indústria de anúncios online. Como já vimos acima, o nível de complexidade de um servidor de anúncios é alto, por isso, para a maioria dos publishers, faz mais sentido terceirizar esta operação de OPEC digital e concentrar os recursos comerciais nas vendas ou em outras atividades. Nós da Premium Programmatic programamos e gerenciamos inclusive suas campanhas diretas – que tem valor bem mais atraente do que o pago pela mídia programática tradicional e traz uma receita de grande importância para cada um de nossos publishers. Da configuração e otimização à entrega dos relatórios, nosso time de especialistas atua em todas as etapas do gerenciamento de suas campanhas. Veja como funciona cada etapa:

Configuração

Configuramos as campanhas com base no período de veiculação, posicionamento, prioridade de entrega, segmentação de audiência e ocupação de inventário, e usamos ferramentas avançadas do Google Ad Manager que permitem um melhor aproveitamento das impressões não utilizadas para o inventário de mídia programática.

Otimização

Acompanhamos diretamente a campanha, monitorando métricas e indicadores, como a taxa de clique (CTR), velocidade de entrega e correções de bugs, garantindo assim o cumprimento das regras indicadas pelo anunciante e evitando bonificações por erros de entrega e outros possíveis problemas.

Relatórios

Criamos relatórios ilimitados para o publisher ou anunciante com métricas detalhadas e validadas pelo servidor de anúncios, garantindo o pagamento das PIs. 

Se interessou? Então fale agora com um de nossos especialistas! Não hesite em nos contatar se tiver alguma dúvida. 

PREMIUM PROGRAMMATIC

Conheça a Premium Programmatic

A Premium Programmatic é especialista em gestão de mídia programática, atende mais de 160 portais de notícias do Brasil com 1,2 bilhões de impressões monetizadas mensalmente, integrando o seu portal com as principais demandas e redes de anunciantes nacionais e internacionais, incluindo a demanda premium de anunciantes disponível no Google Ad Exchange, a maior bolsa de negociação de mídia programática do mundo.

Nossa monetização com tecnologia header bidding inclui display (banners), vídeo out-stream, vídeo in-stream, apps nativos, formatos especiais de publicidade, criação e monetização de páginas AMP, consultoria e muito mais. Saiba mais navegando pelo nosso site e entre em contato com nosso time comercial para uma análise de seu portal e potencial de faturamento, sem compromisso.

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades da Premium e do mercado de mídia programática!

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin